Livros, Filmes, Viagens, Receitas e muito mais! Vida além dos treinos, tratamentos para engravidar ou fila de adoção, proibido falar de gravidez ou adoção nesse espaço!

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Adorável Psicose

Postado por Ane e Maria Livia às 07:12
Reações: 
2 comentários Links para esta postagem
Adoro séries, e essa em especial tem me feito rir muito! A Natália Klein tem um blog, chamado “Adorável Psicose” ( http://adoravelpsicose.blogspot.com ) e o blog virou série no multishow com roteiro escrito pela própria Natália

Como psicóloga nem preciso dizer que a Dra. Frida é um caso parte, meu marido diz que é a minha cara fazer isso com os pacientes (mas que fique bem claro que eu não faço! rs)

Todas as temporadas estão no Youtube, a partir da primeira você consegue assistir todas as outras, vou colocar o link do episódio 1 para que possam continuar assistindo aqui.

A primeira temporada tem apenas 5 episódios, a segunda temporada já está completa na internet.

Para dar água na boca, segue o teaser da série.


Boas risadas!

Ane

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Querido Diário....

Postado por Ane e Maria Livia às 20:43
Reações: 
2 comentários Links para esta postagem
Meu Querido Diário:
 
Hoje começo a fazer dieta.  Preciso perder 8 kg . 
O médico me aconselhou a fazer um diário, onde devo colocar minha alimentação e falar sobre o meu estado de espírito.
Sinto-me de volta à adolescência, mas estou muito empolgada com tudo.
Por mais que dieta seja dolorosa, quando conseguir entrar naquele vestidinho preto maravilhoso, vai ser tudo de bom.

Primeiro dia de dieta:
 Uma fatia de queijo branco.
 Um copo de diet shake.
 Meu humor está maravilhoso.
 Me sinto mais leve.

Segundo dia de dieta:

 Uma saladinha básica.
 Uma fatia de queijo branco.
 Algumas torradas e um copo de iogurte.
 Ainda me sinto maravilhosa.
 A cabeça dói um pouquinho, mas nada que uma aspirina não resolva.

Terceiro dia de dieta:

 Acordei no meio da madrugada com um barulho esquisito.
 Achei que fosse ladrão.
 Mas, depois de um tempo percebi que era o meu próprio estômago.
 Roncando de dar medo.
 Tomei um litro de chá.
 Fiquei mijando o resto da noite.
 Anotação: Nunca mais tomo chá à noite.

Quarto dia de dieta:

 Estou começando a odiar salada.
 Me sinto uma vaca mascando capim.
 Estou meio irritada.
 Mas acho que é o tempo.
 Minha cabeça parece um tambor.
 Janaína (aquela estagiaria novinha) comeu uma torta alemã hoje no almoço.
 Mas eu resisti.
 Comi só duas fatias de queijo branco.
 Anotação: Odeio a Janaína.

Quinto dia de dieta:

Juro por Deus que se vir mais um pedaço de queijo branco na minha frente, eu vomito!
 No almoço, a salada parecia rir da minha cara.
 Gritei com o boy hoje!
 E com a Janaína.
 Preciso me acalmar e voltar a me concentrar.
 Comprei uma revista com a Gisele na capa.
 Minha meta.
 Não posso perder o foco.

Sexto dia de dieta:

 Estou um caco.
 Não dormi nada essa noite.
 E o pouco que consegui, sonhei com um pudim de leite.
Acho que mataria hoje por um brigadeiro…

Sétimo dia de dieta:

 Fui ao médico.
 Emagreci 250 gramas.
 Tá de sacanagem!
 A semana toda comendo mato.
 Só faltando mugir e perdi 250 gramas !
 Ele explicou que isso é normal.
 Mulher demora mais emagrecer, ainda mais na minha idade.
 O FDP me chamou de gorda e velha!
 Anotação: Procurar outro médico.

Oitavo dia de dieta:

 Fui acordada hoje por um frango assado.
 Juro!
 Ele estava na beirada da cama, dançando dança do ventre.
 Anotação: O pessoal do escritório ficou me olhando esquisito hoje,
 Janaína diz que é porque estou parecendo o Jack do ‘Iluminado’.

Nono dia de dieta:

 Não fui trabalhar hoje.
 O frango assado voltou a me acordar, dançando a kara karamba kara
 karaô dessa vez. Passei o dia no sofá vendo tv.
 Acho que existe um complô.
 Todos os canais passavam receita culinária.
 Ensinaram a fazer Torta de morangos, salpicão e sanduíche de rocambole.
 Anotação: Comprar outro controle remoto, num acesso de fúria, joguei o
 meu pela janela.

Décimo dia de dieta:

 Eu odeio Gisele Bundchen!
 Com photoshop até a Dercy Gonçalves fica gostosa.

Décimo-primeiro dia de dieta:

 Chutei o cachorro da vizinha.
 Gritei com o porteiro.
 O boy não entra mais na minha sala e as secretárias encostam na parede
 quando eu passo.

Décimo-segundo dia de dieta:

 Sopa.
 Anotação: Nunca mais jogo pôquer com o frango assado - ele rouba.

Décimo-terceiro dia de dieta:

 A balança não se moveu.
 Ela não se moveu!
 Não perdi um mísero grama!
 Comecei a gargalhar freneticamente.
 Assustado, o médico sugeriu um psicólogo.
 Acho que chegou a falar em psiquiatra.
 Será que é porque eu o ameacei com um bisturi?
 Anotação: Não volto mais ao médico, o frango acha que ele é um charlatão.

Décimo-quarto dia de dieta:

 O frango me apresentou uns amigos. A picanha é super gente boa, e a  torta, embora meio enfezada, é um doce.

Décimo-quinto dia de dieta:

 Matei a Gisele Bundchen !
 Cortei ela em pedacinhos e todas as fotos de modelos magérrimas que tinha em casa.
 Anotação: O frango e seus amigos estão chateados comigo.
 Comi um pedaço do Sr. Pão.
 Mas foi em legítima defesa.
 Ele me ameaçou com um pedaço de salame.

Décimo sexto dia:

 Não estou mais de dieta.
 Aborrecida com o frango, comi ele junto com o pão.
 E arrematei com a torta.
 Ela realmente era um doce ........


Frase de Reflexão: ‘Certas dietas são simples: Basta cortar o açúcar, as frituras, as massas, as bebidas alcoólicas, os pães e os pulsos.’


Ane

domingo, 21 de agosto de 2011

Livros: 1808 e 1822

Postado por Ane e Maria Livia às 14:03
Reações: 
0 comentários Links para esta postagem
Escritos pelo jornalista Laurentino Gomes, os livros contam dois momentos da história do nosso país, a vinda da família Real para cá e a Independência do Brasil. Laurentino fez uma pesquisa muito grande e o resultado é uma narrativa cheia de detalhes e uma leitura leve e prazerosa. A gente aprende (ou relembra) história sem perceber.  Em 1808, publicado em 2006, ele conta como uma rainha louca, um principe medroso e uma corte corrupta enganaram Napoleão Bonaparte e mudaram a História de Portugal e do Brasil. No livro, Laurentino contextualiza a vinda da família real às condições políticas, econômicas e sociais da época em Portugal, França, Inglaterra e Brasil.
Em 1822 - Como um homem sábio, uma princesa triste e um escocês louco por dinheiro ajudaram D. Pedro a criar o Brasil – um país que tinha tudo para dar errado, ele continua a narrar o que aconteceu por aqui depois da volta de D. João VI para Portugal. Segundo Laurentino, “Este livro procura explicar como o Brasil conseguiu manter a integridade do seu território e se firmar como nação independente em 1822(...) A Independência resultou de uma notável combinação de sorte, acaso, improvisação, e também de sabedoria de algumas lideranças incumbidas de conduzir os destinos do país naquele momento de grandes sonhos e perigos”.
São livros muito interessantes, com uma narrativa envolvente. Laurentino descreve com muita habilidade os personagens centrais da historia do nosso país em momentos extemamente hilários. Valem a pena a leitura pelo caráter instrutivo e também porque não tem nada a ver com o assunto maternidade, rs!

Maria Livia


Mousse de Limão

Postado por Ane e Maria Livia às 13:41
Reações: 
0 comentários Links para esta postagem
Adoro sobremesas fáceis de fazer, pois não sou uma expert na cozinha. Essa mousse, faço qdo tenho visita e já levei em alguns jantares na casa de amigos. Sempre faz sucesso, pois foge da tradicional mousse de maracujá!
Ai vai:

Ingredientes:

1 caixa de gelatina em pó sabor limão
1 xicará de chá de água quente
1/4 de xicara de chá se duco de limão
3/4 de xicara de agua fria
1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite sem soro

Preparo:

Dissolva a gelatina na água quente, acrescente o suco de limão dissolvido na água fria e mexa.
Transfira para o liquidificador, adicione do leite condensado, o creme de leite e bata bem.
Despeje a mistura em um refratário, leve à geladeira por 1 hora e sirva.

Maria Livia

Filme - Uma mente brilhante

Postado por Ane e Maria Livia às 13:13
Reações: 
1 comentários Links para esta postagem
Este filme é de 2001, mas só ontem é que acabei vendo.
Trata-se de uma cinebiografia de John Nash. O roteiro foi baseado no livro homônimo de Sylvia Nasar.
John Nash é um gênio que consegue sucesso em várias áreas da matemática e uma carreira acadêmica respeitável. Na década de 50, formulou um teorema que provou sua genialidaade e, que em 1994, lhe renderia o Prêmio de Ciências Economicas em Memória de Alfred Nobel. Diagnosticado com esquizofrenia, e sofrendo alucinações, ele usa toda a sua racionalidade para distinguir o real do imaginário e voltar a ter uma vida normal, se reinserindo na sociedade.
Filme muito bom, com Russell Crowe.


Maria Livia

Magali dançando

Postado por Ane e Maria Livia às 11:13
Reações: 
1 comentários Links para esta postagem
Coisas que só se encontram no Rio de Janeiro... ela não repete um passo! Reparem que performance!!!! Digna de Lady Gaga!

Ane

Ex gay

Postado por Ane e Maria Livia às 11:09
Reações: 
0 comentários Links para esta postagem

Ane

sábado, 20 de agosto de 2011

Festa Nossa Senhora Achiropita

Postado por Ane e Maria Livia às 20:39
Reações: 
1 comentários Links para esta postagem

Esta é a 85ª Festa de Nossa Senhora Achiropita. Uma festa italiana realizada sempre nos mês de agosto, aos sábados e domingos desde 1926 no bairro do Bixiga em São Paulo. Neste ano, a afesta teve inicio no dia 6 de agosto e se estenderá até o dia 4 de setembro.
A festa, em homenagem a padroeira do bairro, começou com a chegada dos imigrantes italianos, grande parte da Calábria, no bairro do bixiga, no início do século passado.
A devoção dos imigrantes italianos foi contagiando todo o bairro, e hoje se tornou um símbolo de fé, alegria e solidariedade, estendendo-se a toda cidade de São Paulo.
São mais de 950 pessoas, todas voluntárias, que trabalham com muita dedicação e amor durante os cinco finais de semana de agosto, para homenagear Nossa Senhora Achiropita e colaborar com a manutenção das Obras Sociais da igreja.
 Os milhares de visitantes que participam dessa Festa deliciam-se com as comidas típicas italianas, preparadas pelas "mamas" e deixam-se contagiar pelo ambiente alegre e festivo.
Eu frequento esta festa  há uns 15 anos. Todo ano vou lá degustar um maravilhoso spaghetti ao sugo, tomar um vinho, comer um antepasto de berinjela e um pimentão recheado! Não, eu não como tudo lá! Eles já vendem em embalagens para trazermos para casa.
Tem comida para todos os gostos: fogazzas, fricazzas, polentas, peperoni, berinjelas ao forno, pizzas, doces, vinhos e refrigerantes entre outros.
O evento acontece na rua, mas tb há uma cantina em que é necessário fazer reserva.

PARTE EXTERNA
Ruas 13 de maio, São Vicente e Dr. Luiz Barreto
Sábado: das 18h00 às 24h00
Domingo: das 17h30 às 22h30

PARTE INTERNA 
 CANTINA - sábados (das 20 às 24 horas) e domingos (das 19 às 23horas)

Para mais informações, aí vai o site da Igreja: www.achiropita.org.br.

Maria Livia  

Livro - Comer Rezar Amar

Postado por Ane e Maria Livia às 20:15
Reações: 
0 comentários Links para esta postagem
Este livro fez o maior sucesso e até virou filme, mas se alguém ainda não leu, vale a pena! Quem só viu o filme, está perdendo muito! O livro é muito mais envolvente e divertido.
Bom, neste livro, a autora, Elizabeth Gilbert, conta uma passagem da sua vida em que está com uns 30 anos, casada e tentando engravidar. De repente ela descobre que não é nada disso que quer para sua vida. Ela se separa do marido e acaba vivendo uma outra paixão que a faz sofrer ainda mais. Perdida, ela resolve, então, largar tudo e  fazer uma viagem por um ano para Itália, India e Indonésia em busca de autoconehcimento.
Elizabeth tem um jeito muito especial de narrar a sua história. O livro é muito divertido e no final, vc já sente amiga da Liz!


Maria Livia

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Macarrão com molho de peru e queijo

Postado por Ane e Maria Livia às 07:49
Reações: 
1 comentários Links para esta postagem
Aproveitando o molho branco básico da receita anterior, antes de eu me tornar vegetariana e o marido (que era namorado) aparecia em casa sem avisar, eu pegava o que tinha na geladeira e inventava alguma coisa. Como sempre comprava peito de peru e mussarela fatiados, inventei esse molho branco para comer com macarrão (sim, eu adoro massa..... meu pecado....)

Ingredientes:
250 gramas do macarrão da sua preferência (penne, parafuso, spaghetti)
1 caixa de creme de leite
100 gramas de peito de peru fatiado
100 gramas de mussarela ou queijo prato
50 gramas de queijo parmesão ralado

Modo de fazer: Cozinhe o macarrão até ficar no ponto. Se tiver processador em casa, use a mesma lâmina que utiliza para ralar cenoura. Se não tiver processador, pique em pedacinhos pequenos com a faca mesmo. Coloque o creme de leite na panela, misture os frios fatiados e vá mexendo para não grudar no fundo. Quando estiver derretido, coloque um pouco do parmesão ralado e misture o macarrão. Coloque num refratário e polvilhe queijo ralado em cima. A receita é bem “gorda”, mas fica uma delícia.

Ane
 

NEM + NEM - Copyright © 2010 Designed by Ipietoon Blogger Template | templates gratis Vector by Artshare